sábado, 19 de outubro de 2013

POR QUE DEVEMOS MEDITAR?



Quais são os benefícios da meditação?
A meditação é muito útil na vida diária, mesmo para aqueles que não meditam regularmente. Ainda que Deus esteja presente em cada pessoa, nunca poderá se manifestar entre tanta desordem, e a desordem está em nosso estado mental caótico. E, com a lucidez que nos traz a meditação, se tornará possível estar acima da razão, através da clareza que ela nos traz, a ponto de nos colocar mais em contato com a nossa própria divindade. 
  • Primeiro, a meditação mantém e melhora a saúde mental, desenvolve paz interior e tranquilidade que favorece a serenidade, o contentamento e a felicidade.
  • Em segundo lugar, melhora a auto-estima, o comportamento racional, o julgamento equilibrado, favorecendo a interação social.
  • Em terceiro lugar, a meditação melhora a concentração da mente, dissipando a confusão, levando a um melhor entendimento, a um melhor conhecimento.
  • Em quarto lugar, mantém e melhora a saúde física, proporcionando descanso e relaxamento e prevenindo doenças e desenvolve a força e o vigor.
  • A meditação amplia nossos processos mentais, purificando a mente e elevando-a para níveis mais elevados de consciência. Temos alguns obstáculos mentais tais como: sonolência ou preguiça, dúvidas (incertezas), malevolências, distrações e desejos. Meditando purificamos a mente.
 A meditação tem inúmeros benefícios para todo tipo de pessoas, especialmente, benefícios mentais.
  • Para pessoas muito ocupadas ajuda a se livrar da tensão e
  • para pessoas preocupadas ajuda a se tornar calma e encontrar paz.
  • Ajuda a superar o medo no coração e aumenta a alegria das pessoas idosas.
  • Há ainda fortes evidências de que ajuda alcoólatras e viciados em drogas a superar os seus perigosos hábitos.
  • Aumenta a habilidade de aprender e memorizar e, além disso,
  • faz as pessoas felizes tanto acordadas como dormindo, sem medo de perigo ou até mesmo da morte.





Como praticar a meditação.


Primeiramente devemos escolher um local silencioso, arejado e limpo. O quarto de dormir é o ideal. 


Depois devemos nos acomodar em uma posição confortável, na qual seja possível permanecer por um bom tempo sem se mover. 



Pode-se se sentar com as pernas cruzadas ao estilo oriental ou deitar-se com a barriga para cima, as pernas esticadas e os pés unidos. 



Após isso se deve fazer o relaxamento de todo o corpo, e para isso usaremos a técnica que já vimos nas primeiras lições deste curso. 

Feito isso, iremos utilizar o método descrito abaixo e passar a fazer a meditação propriamente dita. 



Ao praticar a meditação entenda que seu único objetivo deve ser silenciar a mente, parar com sua agitação e com a sucessão de pensamentos que normalmente ocorre. 

Quando se consegue alcançar o silêncio absoluto da mente, ou seja, a ausência total de pensamentos, é que experimentamos o Vazio Iluminador, o êxtase místico, a liberdade da alma. 

Quanto mais se pratica a meditação mais a mente vai se aquietando, e mais perto estaremos de alcançar o Vazio Iluminador. 

Não se preocupe em saber como deve ser o Vazio Iluminador ou qualquer coisa do tipo. Concentre-se apenas na técnica de meditação que você estiver fazendo. 

Seu objetivo deve ser apenas silenciar a mente, nada mais. O demais virá por acréscimo. 

Sem comentários:

Enviar um comentário