sábado, 19 de outubro de 2013

AS CORES E O PODER DAS VELAS




As cores estão carregadas de energias e significados. O seu uso e estudo na terapia (cromoterapia), as cores são usadas para a cura de doenças, e vem sendo utilizados há muito tempo pelos homens, desde o antigo Egito, Índia, Grécia e China, com objetivo de harmonizar o corpo, atuando no nível físico e até aspectos mais sutis da nossa alma. 

A saúde e a doença estão diretamente ligados a harmonia entre meio ambiente, corpo e mente. A cor da roupa, da casa, dos móveis, de pinturas, anúncios, estão carregados de forças sutis que, embora não nos demos conta, estão influenciando diretamente nossos sentidos, escolhas e nosso humor. 

Não é a toa que na passagem do ano, usamos branco para ter paz, amarelo para dinheiro e inteligência, verde para esperança, azul para saúde e rosa para o amor. Essas e todas as outras cores carregam seus próprios significados e as velas não ficam de fora quando se trata de de unir as cores com o objetivo que se tem ao acendê-las. 

Ao escolher uma vela, devemos também escolher a sua cor relacionando com o pedido a ser feito ao acendê-la. Unindo as duas energias, você terá mais força nos seus pedidos, e passará essa força aos Anjos.

Vela branca: Representa a pureza, limpeza, sinceridade, a busca da paz, reconciliação, harmonia e iluminação. Acende-se quando se deseja ter paz, pode-se chegar às aquisições mais elevadas na vida: atingem o que há de mais sublime: o coração.

Vela amarela: A vela amarela deve ser acesa quando há necessidade de cura energética, clarear a mente, abrir o intelecto, firmar os pensamentos, desenvolver a espiritualidade e ocorrer mudanças rápidas das situações.

Vela azul: Deve ser acesa quando se deseja adquirir calma, serenidade, sabedoria, desenvolver e trabalhar poderes paranormais, sensitividade, intuição e ter expansão nos projetos.

Vela rosa: representa a beleza, o amor, a moralidade. Deve ser usada em assuntos amorosos para fortificar relacionamentos afetivos. Boa cor para realizar os desejos do campo emocional e afetivo.

Vela lilás: Deve ser acesa quando há necessidade de transmutar as energias, transformar negatividade, ter inspirações, aumentar a intuição, combater o “stress” e acalmar-se.

Vela prateada: Representa um brilho especial, aquele que vem da lua. Quando acesa, ilumina o caminho para que se possa atingir o plano astral no qual se mantém contato com os Anjos. Afastando os obstáculos e fortalece os passos de quem se deixa guiar por ela.

Vela vermelha: O vermelho está ligado a uma força vital indispensável, independente de onde seja usado. A vela vermelha deve ser acesa quando se precisa de coragem, ânimo, determinação, força, ação, dinamismo, vigor, proteção, conquistar e liderar assuntos relacionados à matéria, trabalho e dinheiro, para que se tenha triunfo e evolução rápida dos acontecimentos.

Vela verde: A vela verde simboliza a calma, a tranquilidade e o equilíbrio. Deve ser acesa quando se desejar a cura física e espiritual, fertilidade, estabilidade e abundância. Usá-lo significa abrir as portas para que a vida flua.

Vela dourada: O dourado também remete um brilho especial, o do sol! Assim como o prateado o dourado também ilumina o caminho e atrai força positiva para que se alcance o plano astral. Deve ser acesa para atingir um nível elevado onde se pode manter uma comunicação divina.

Sem comentários:

Enviar um comentário